ACICB - ASSOCIAÇÃO COMERCIAL E EMPRESARIAL DA BEIRA BAIXA
// Newsletter
   
Boletim
 
Boletim Informativo
Nº 128 | Ano 20
 
// Notícias

ADRACES e CIMBB promovem seminário para esclarecimento do SI2E 

 
  A ADRACES - Associação Para O Desenvolvimento Da Raia Centro-Sul e a CIMBB – Comunidade Intermunicipal da Beira Baixa, encontram-se a organizar um Seminário sobre o Programa de Financiamento SI2E – Sistema de Incentivos ao Empreendedorismo e ao Emprego.

     O evento será realizado no próximo dia 28 de junho (quarta-feira) às 17h00, no CEi – Centro de Empresas Inovadoras de Castelo Branco, tendo como destinatários empreendedores que pretendam recorrer ao SI2E para projetos de micro e pequenas empresas em qualquer setor de atividade (com exceção de pescas, aquicultura, produção agrícola primária, florestas, financeiras, seguros, defesa, lotarias e outros jogos de apostas), e projetos de criação do próprio emprego.

     Este sistema de incentivos (enquadrado no âmbito do Regulamento Específico do Domínio "Inclusão Social e Emprego") pretende complementar os apoios existentes para as empresas no Domínio "Competitividade e Internacionalização", tendo um enfoque em pequenos projetos empresariais (sobretudo em regiões de baixa densidade). Pretende-se, com este sistema de incentivos, apoiar de forma simplificada projetos de cariz local, promovidos por micro e pequenas empresas e que permitam criar emprego e valor com base em recursos endógenos. O SI2E deverá permitir apoiar projetos que, pela sua dimensão/natureza/ausência de cariz exportador ou menor cariz de inovação não possam ser apoiados no âmbito dos Sistemas de Incentivos do Domínio Competitividade e Internacionalização.

  Serão apoiados projetos de investimento de montante até 235 mil euros, com subsídios de 60% do investimento elegível (em territórios baixa densidade).

   O Seminário, embora gratuito, carece de inscrição prévia, até ao dia 26 de junho, através do link prévia através do link https://goo.gl/WpqFuz

 

 Dias Templários de Castelo Branco - Edição 2017

 

Largos milhares de pessoas visitaram, nos passados dias 25 a 28 de maio, o Castelo albicastrense participando em mais uma edição dos Dias Templários de Castelo Branco.


Ao longo dos quatro dias do evento, foram inúmeras as atividades realizadas, com especial relevo para o Cortejo Medieval levado a cabo pelos alunos dos Agrupamentos Escolares do concelho de Castelo Branco e o regresso do Assalto ao Castelo, encenação que se mantém como cabeça de cartaz dos Dias Templários de Castelo Branco.


Sérgio Bento, presidente da Direção da ACICB – Associação Comercial e Empresarial da Beira Baixa considera que, uma vez mais, “este evento superou as expetativas, não só pelo número de pessoas envolvidas na sua realização com a integração dos Agrupamentos Escolares, mas também pelo número de visitantes que no decurso do evento acorreram ao Castelo”.


Na base deste sucesso encontra-se o importante contributo prestado pela Câmara Municipal de Castelo Branco, Junta de Freguesia de Castelo Branco e pela OUTREM – Associação de Defesa do Ambiente e Património, entidades sem as quais não seria possível concretizar este certame.


O dirigente destaca também “o esforço e o importante papel dos colaboradores da Câmara Municipal de Castelo Branco e dos Serviços Municipalizados de Castelo Branco que trabalharam na concretização dos Dias Templários de Castelo Branco, assim como dos Agrupamentos Escolares que aderiram ao Cortejo Medieval, da Escuderia e da PSP”. A par de todas as instituições, Sérgio Bento manifesta ainda o seu “agradecimento aos moradores da zona do Castelo, com especial enfoque aos habitantes da Rua do Mercado e às colaboradoras da ACICB”.

II Feira Social IN | 29 e 30 de junho de 2017

 

A FEIRA SOCIAL IN apresenta um Programa durante dois dias com a participação de entidades representantes do setor da Economia Social e Solidária, assim como financiadores, empregadores e empreendedores.


Paralelamente irá decorrer uma Mostra Social com o objetivo de promover os produtos e serviços das Associações/Instituições e outras entidades da Economia Social e Solidária junto da comunidade em geral, por forma a atrair investidores, contribuindo para aumentar as sinergias locais e nacionais e garantir uma maior sustentabilidade financeira das instituições.


A Feira Social IN é estruturada por vários eixos:


|| Mostra de instituições locais “MOSTRA SOCIAL IN” ||

|| Concurso de ideias “SOCIAL IN”||

|| Ciclo de seminários & debates temáticos paralelos “WORK IN”|| (Consulte Programa AQUI)

|| MOSTRA SOCIAL IN powered by Ignite Portugal ||


Promotor: CLDS 3G Castelo Branco - Capacitar, Empreender, Incluir
Comissão organizadora: Câmara Municipal de Castelo Branco, IPCB-Instituto Politécnico de Castelo Branco, AEBB - Associação Empresarial da Beira Baixa, ACICB Associação Comercial, CEI - Centro de Empresas Inovadoras, Instituto de Emprego e Formação Profissional de Castelo Branco e Centro Distrital de Segurança Social de Castelo Branco.
 

Formulários de inscrição aqui:

WORK IN | Ciclo de Seminários : https://goo.gl/0PGtRX

Concurso de ideias Social IN: https://goo.gl/un1F5y

Mais informações em: feira.social.in@gmail.com || 272 325 126  || 924 399 305

https://www.facebook.com/clds.cei.cb/ || www.amatolusitano-ad.pt

 Curso de Aprendizagem na ACICB com início no próximo mês de setembro...

 

 

Incentivos e Apoios - Aviso N.º CENTRO-M8 -2017-23
Aviso N.º CENTRO-M8 -2017-23

Sistema de Incentivos (SI)

“SISTEMA DE INCENTIVO AO EMPREENDEDORISMO E AO EMPREGO”

Data de início: 25-05-2017 | Data de encerramento: 14-12-2017

Fase de apresentação de Candidatura Data Limite para a Comunicação da Decisão
Fase 1: até 14.07.2017, 18h00 10.10.2017
Fase 2: até 14.09.2017, 18h00 13.12.2017
Fase 3: até 14.12.2017, 18h00 12.03.2018

Tipo de Incentivo: Não Reembolsável

Taxa de financiamento:

Incentivo ao Investimento: Subvenção Não Reembolsável com limite máximo de 60% das despesas elegíveis | Taxa base para territórios de baixa densidade: 40% sobre as despesas elegíveis

Incentivo ao emprego: Comparticipação com limite mensal do valor correspondente ao IAS (€ 421.32), com os seguintes limites:

  • 9 meses, para contratos de trabalho sem termo ou criação do próprio emprego; ou
  • 3 meses, para os contratos de trabalho a termo, com uma duração mínima de 12 meses.

(Aos períodos máximos referidos poderá acrescer uma majoração de 2,5  ou 3 meses para projetos localizados em territórios de baixa densidade ou projetos de criação de empresas)

Valor de investimento máximo: 235 mil euros

Natureza dos beneficiários: Pequenas e micro empresas

Objetivo: Projetos que contribuam para integrar de forma sustentada desempregados no mercado de trabalho e para apoiar ao desenvolvimento dos viveiros de empresas e à atividade por conta própria, às microempresas e à criação de empresas e microempresas

Despesas elegíveis: Máquinas e equipamentos, informática , marcas, material circulante (até 70% do investimento total), estudos, planos de marketing e serviços de arquitetura (até 15% do investimento total), obras de remodelação ou adaptação (até 60% do investimento total) e participação em feiras e exposições no estrangeiro (até 15% do investimento total)

Consulte Regulamento

Registo 1 a 5 de 38